Google+ Followers

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

China se recusa a autorizar abertura de túmulo misterioso do primeiro imperador

A proibição não é só para o túmulo, mas qualquer escavação sobre os 6.000 soldados restantes do Exército de Terracota.
O suposto imperador chinês teria sido enterrado há mais de 2.000 anos em um complexo de túmulos.
O sistema de proteção que impedia o acesso foi considerado impressionante pelos arqueólogos – um fosso subterrâneo de mercúrio altamente tóxico para manter o corpo livre de saqueadores.
Além disso, ao lado do suposto imperador, uma grande coleção de objetos foi encontrada. Os especialistas dizem que os artefatos seriam usados pelo nobre na outra vida, de modo semelhante como os egípcios acreditavam.
Segundo os arqueólogos, o imperador teria ordenado que milhares de estátuas de soldados fossem construídas e enterradas ao seu ao lado, além de concubinas, administradores e funcionários.
A primeira das 8.000 estátuas de terracota foi descoberta em 1974 por agricultores que escavavam poços perto de Xian. Até o momento, 2.000 soldados já foram desenterrados, mas o trabalho foi interrompido por ordens do governo chinês.
A grande colina onde o imperador está enterrado nunca foi acessado por ninguém”, disse a arqueóloga Kristin Romey de acordo com o DailyMail.
Em parte é por respeito com os mais velhos, mas também percebemos que ninguém no mundo tem a tecnologia adequada para escavar até lá”, ressaltou.
Os arqueólogos agora estão parados e proibidos de escavações até que novas tecnologias sejam desenvolvidas para assegurar que os artefatos preciosos não sofram danos.
Segundo Romey, a atitude do governo chinês é sábia e tem seu total apoio. “Quando entramos na tumba de Tutancâmon no Egito, perdemos muitas informações por causa das técnicas de escavações de 1930”, afirmou.
Outra questão que está impedindo o avanço nas escavações é a presença de mercúrio, podendo provocar intoxicação grave nos trabalhadores e colaboradores.
Saiba mais!
O imperador em questão é Qin Shi Huang, o primeiro rei da China, governando do ano de 247 a.C. à 221 a.C. Tornou-se o primeiro imperador após a unificação do país de 221 a.C à 210 a.C.
Fonte;Jornal Ciência

Comércio de minério Tântalo brasileiro na Guerra nas Estrelas

Revista del Mercosur N° 75 Ano 2001


O projeto norte-americano depende do metal encontrado no Amazonas, Amapá e Rio Grande do Norte


 
O projeto Guerra nas Estrelas, que os Estados Unidos pretendem reativar, será abastecido pelo Brasil. Foguetes e satélites projetados para formar um escudo antimísseis em torno do território americano serão feitos com tântalo, metal extraído da tantalita em reservas brasileiras e considerado estratégico para a guerra moderna.
Segundo o Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), o Brasil possui as maiores reservas de tantalita, que equivalem a 45% de todo o tântalo existente no mundo. Mas poucas empresas brasileiras exploram o metal. As maiores lavras estão na Serra da
Borborema (Rio Grande do Norte), no Amazonas e no interior do Amapá. "A produção é incipiente e a demanda é muito grande", sintetiza Paulo Santana, geólogo do DNPM. No ano passado, o preço do tântalo no mercado internacional saltou de 30 dólares para 200 por libra-peso (473 gramas). O metal já é o terceiro item de exportação do Amapá.
O tântalo extraído no Brasil é beneficiado em siderúrgicas nos Estados Unidos, Alemanha, Japão e Canadá. Depois, volta ao país na forma de produtos industrializados, como os chips dos processadores Pentium e telefones celulares.
"Toda a produção de tântalo no Brasil acaba na mão de estrangeiros, sem qualquer benefício para o país. O pior é que, da forma como é feita, a produção tem perdas imensas", alerta o deputado Antônio Feijão (PSDB-AP). 


Na mitologia grega, Tântalo foi um mitológico rei da Frígia ou da Lídia, casado com Dione. Ele era filho de Zeus e da príncesa Plota. Segundo outras versões, Tântalo era filho do Rei Tmolo da Lídia (deus associado à montanha de mesmo nome). Teve três filhos: Níobe, Dascilo e Pélope.
Certa vez, ousando testar a omnisciência dos deuses, roubou os manjares divinos e serviu-lhes a carne do próprio filho Pélope num festim. Como castigo foi lançado ao Tártaro, onde, num vale abundante em vegetação e água, foi sentenciado a não poder saciar sua fome e sede, visto que, ao aproximar-se da água esta escoava e ao erguer-se para colher os frutos das árvores, os ramos moviam-se para longe de seu alcance sob força do vento. A expressão suplício de Tântalo refere-se ao sofrimento daquele que deseja algo aparentemente próximo, porém, inalcançável, a exemplo do ditado popular "Tão perto e, ainda assim, tão longe".
Existem outras versões para o motivo de Tântalo ter sido punido. Diodoro Sículo diz que Tântalo, rei da Paphlagonia na Ásia[1], por ser filho de Zeus, foi admitido na mesa dos deuses, ouviu seus segredos, e divulgou entre os mortais, sendo punidor por isso[2].
O nome Tântalo aparece no Canto XI da Odisséia de Homero, nos versos 582-592.
Na série de livros de Rick Riordan Percy Jackson e os olimpianos, no livro O mar de monstros, Tântalo é chamado para ser diretor de atividades do acampamento meio-sangue, por causa da demissão de Quíron. No livro, o castigo ainda continua, ele não consegue pegar os doces e guloseimas entregues a ele pelos sátiros.

Tântalo e Nióbio: Minerais tecnológicos no Brasil

 Já postamos aqui que a maior reserva de Nióbio se encontra em solo brasileiro. Mas e as reservas de tântalo no Brasil? São grandes, acessíveis? Qual é a produção desse estratégico metal em nosso país?
Segundo a Agência Amazônia de Notícias e Insituto Sócio-Ambiental a maior mina -mundial- do precioso metal se encontra a menos de 200km de Manaus, com potencial para produzir mais de 89 mil toneladas de óxido de tântalo de alta pureza. Afirma, ainda, o Departamento Nacional da Produção Mineral que mais 47% das reservas mundias encontram-se em solo brasileiro e há a ocorrência de muitas outras jazidas a serem exploradas do minério só na Amazônia.
Entretanto, segundo a mesma reportagem, o Brasil importa mais de 65 toneladas de Tântalo ao preço de US$22,8 milhões na forma de condesadores de Taiwan, Hong Kong, Coréia do Sul, Suécia e Estados Unidos, enquanto exportou mais de 301 toneladas em material primário no valor US$1,9 milhões.
É óbvia a vantagem que a qualificação profissional e investimento na produção de tecnologia própria trazem a um país, não? milhões de dólares, entre outras consequências.


NOVO SECRETARIO DE SAÚDE DIZ QUE ACS's QUEREM UM "CALA BOCA"


Em reunião com a Direção do sindicato o novo secrertario de saúde se apresentou como uma pessoa prepotente e sem querer dialogo com a categoria disse ter as informações das nossas propostas naquele momento e que precisaria de mais tempo para analizar as mesma, sendo indagado pela direção da entidade de que todas as propostas haviam sido colocadas e dialogadas com a Mesa de Negociação Permanente da categoria junto a SEMUS e que um dos seus membros o secretario adjunto financeiro da SEMUS se fazia presente na mesa poderia ter le dado todas as informações possiveia sendo que a direção do sindicato já tinha dado o prazo suficiente para resolução das proposta as mesmas começaram a ser discutidas em janeiro de 2012.
O Secretario colocou que nem que a mesa autorizase conceder o que tinhamos nas propostas ele não o faria agora e sim talves daqui a 04 ou 05 meses, sendo que deveriamos aguardar o periodo eleitoral para este reajuste, ai a direção do sindicato notou que o secretario não sabia mesmo de nada pois em nenhuma das propostas solicitamos aumento salarial e sim gratificação ate porque contra a vontade de todos os servidores publicos municipais e sem dialogo o senhor prefeito já havia dado o misero reajuste salarial.
A reunião ficou tensa quando a diretoria do sindicato começou a cobra acordos que a secretaria nunca cumpriu como o pagamento total dos vales transportes em atraso, o projeto de lei do auxilio creche e os materiais didaticos para o trabalho da categoria, colocando que tudo isso e passivo de denuncia junto ao ministerio publico e demais orgãos de defesa do trabalhador, colocando a ele que era por este motivo que o sindicato tem hoje 08 ações contra a SEMUS na justiça do trabalho.
De forma grosseira, anti sindical ou democratica o secretario de saúde disse a todos que estamos precionando ele porque o que queriamos mesmo era " DINHEIRO" disse ele: se eu desse a gratificação a categoria  ficaria calada e não denunciariam nada a ninguem iso seria um " CALA A BOCA" pra voces, assim terminou a reunião disse ele, a direção do sindicato respondeu a altura que este governo ao dá qualquer gratificação seria mais do que o nosso direito mais mesmo assim fariamos como fizemos as denuncias que estão hoje na justiça do trabalho antes mesmo do senhor assumir ainda na pessima gestão do seu antessesor.
Por termino ameaçou a categoria e os dirigentes sindicais dizendo p´rocurem a justiça façam o que quizer.
Isso e tipico de um governo devastador para o servidor publico e especialmente para nossa categoria pois a atenção basica nunca foi o carro chefe desta administração desastrosa.
 
 
 Enviado por: 

IV MARCHA ESTADUAL DOS AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE

Agentes comunitários de saude de todo o maranhão foram ás ruas, na capital, na IV Marcha a favor da saude no estado. Estiveram presentes lideranças de Timon, Grajaú, Cachoeira Grande e entre outros municípios.


Entre as principais pautas de reivindicação dos ACS's é o incentivo salarial que o governo estadual (Roseana Sarney) não libera, os ACS's denunciam que o maranhão é o único estado que o incentivo não é aplicado pelo governo do estadual.

"O governo municipal e estadual, não tem nenhuma preocupação em nos respaudar no sentido de atender ás nossas reivindicações" Disse Wesley ACS de São Luis.

Já as denúncias dos municípios do maranhão, se baseiam em melhores condições de trabalho, e que são necessárias medidas  inteligentes  do governo do estado em relação á saude publica.

"O governo só se preocupa em criar UPAS, e a base que sustenta o serviço publico de saude, o governo não se interessa, disse Elielson de Cachoeira Grande"






Enviado por 



Ministério Público solicita interdição do matadouro público de Sanharó

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Por causa de diversas irregularidades encontradas no matadouro público de Sanharó, situado no Agreste, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) solicitou a interdição do estabelecimento, que deverá ser feita em 15 dias. O promotor de Justiça Henrique Ramos Rodrigues, autor do documento, emitiu a recomendação para o prefeito, para as Secretarias de Saúde e de Agricultura, bem como para a Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) e para o gerente da Vigilância Sanitária.

De acordo com o texto da recomendação, publicado nesta quarta-feira (29/08) no Diário Oficial, a Adagro compôs um relatório, o qual aponta que o local não tem condições de funcionamento e que está fora dos padrões exigidos pela legislação, podendo comprometer tanto a saúde quanto a vida das pessoas que consomem a carne do matadouro. Além disso, a agência informou a impossibilidade de reforma, uma vez que o estabelecimento está localizado dentro da área urbana.

Desta forma, todos aqueles que foram notificados terão que tomar providências para interditar o matadouro no prazo de 15 dias, impedindo a realização de abate ou a manipulação de qualquer animal.

O município de Sanharó e a Vigilância Sanitária ficaram responsáveis por esclarecer a todos os proprietários de animais, aos comerciantes e a população sobre os motivos do fechamento do local. Além disso, eles também devem fazer a fiscalização com a finalidade de prevenir e reprimir o comércio de carnes que não estejam dentro das normas sanitárias.

O prefeito deverá enviar ao MPPE um relatório circunstanciado contendo todas as providências tomadas acerca do assunto, no prazo de 30 dias. 
Fonte:MPPE 
Enviado pelo Blog: Falando francamente

Blog do Roberto Almeida é hackeado

quarta-feira, 29 de agosto de 2012


Um dos pareceiros deste blog, o jornalista e blogueiro Roberto Almeida teve sua conta de e-mail do Google invadida por Hackers na tarde desta quarta-feira (29). O ladrão ou os ladrões munidos da senha do blogueiro publicaram no seu blog e utilizaram também do seu Faceboo.
 
Roberto, é conhecido entre os blogueiros por sua seriedade e já  prestou queixa na delegacia de polícia comunicando também ao Google o furto do seu e-mail e blog. 

O nosso Blog Falando Francamente também foi vítima desse tipo de roubo em janeiro e é terrível como nesse momentos percebemos que não temos um 0800 para ligar e nos comunicar com o blogspot que administra os nossos blogs.

Estamos torcendo para que o companheiro consiga o mais rápido possível voltar a nos brindar com seus textos e competência.

Amannda Oliveira
Enviado pelo Blog; F\alando Francamente 

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Ganhe de Goleada do Mosquito da Dengue

  • 03 de Agosto de 2012 Sesap divulga números da Dengue
  • 03 de Agosto de 2012 Sesap divulga números da Dengue
  • 01 de Agosto de 2012 Brasil produzirá mosquito transgênico para combate à Dengue
  • 01 de Agosto de 2012 Tire suas dúvidas sobre a Dengue
  • 07 de Julho de 2012 Como vou saber se meu filho está com Dengue?




  • O QUE É DENGUE?

    A dengue é uma doença infecciosa, transmitida através da picada do mosquito Aedes aegypti. Ela pode se manifestar através de quatro tipos: DEN-1, DEN-2, DEN-3 e DEN-4. Entre os sintomas, o indivíduo contaminado pode apresentar febre, dores no corpo e olhos e manchas na pele.
    O quadro clínico é amplo, apresentando desde uma síndrome febril inespecífica até quadros graves como hemorragia, choque e às vezes óbito.
    É uma doença de notificação compulsória e sua forma grave é de notificação IMEDIATA.
    A forma clínica clássica é conhecida como dengue clássica ou febre da dengue e a forma grave, febre hemorrágica da dengue.

    Dengue clássica:

    • Febre alta com duração de 2 a 7 dias
    • Dor de cabeça
    • Dor no corpo e nas juntas
    • Dor atrás dos olhos
    • Manchas vermelhas pelo corpo
    Para quem tem diagnóstico de dengue, deve ficar atento ao surgimento dos sintomas abaixo.

    Procure imediatamente um médico em qualquer uma das situações abaixo:

    • Dores na barriga fortes e contínuas
    • Vômitos persistentes
    • Sangramento pelo nariz, boca e gengivas
    • Sede excessiva e boca seca



    Profissionais de Saúde

    A dengue constitui-se em um desafio para a saúde pública mundial. No Brasil, as condições climáticas e ambientais favorecem a permanente circulação do vetor, o mosquito Aedes aegypti, transmissor dos três tipos virais da doença que circulam no Brasil.


    O Brasil vem apresentando nos últimos anos número crescente de casos graves em adultos e, especialmente, em menores de 15 anos, apesar dos esforços dos Governos federal, estaduais e municipais e da sociedade. Ou seja, ainda convivemos com epidemias recorrentes. Por isso, Profissional de Saúde, a sua atuação tem grande valor. Você sabe melhor do que ninguém que a forma grave da dengue pode matar e é importante nos prepararmos ainda mais:
    • Participe das capacitações promovidas pelas Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde;
    • Aplique os protocolos de manejo clínico de forma rápida e adequada;
    • No site www.saude.gov.br/svs consulte a publicação Diretrizes Nacionais para prevenção e controle de epidemias de dengue;
    • Identifique a doença precocemente;
    • Dedique atenção especial a idosos e crianças, que são mais vulneráveis à doença;
    • Notifique os casos de dengue para as Secretarias Municipais e Estaduais de Saúde;
    • Oriente os pacientes sobre os sintomas e sinais de alerta;
    • Esclareça que a automedicação pode agravar o quadro.
    Melhorando a qualidade da assistência prestada e a organização da rede de serviços, podemos evitar que a dengue cause mortes.

    - Classificação de risco para prioridade de atendimento da dengue
    - Diagnóstico e manejo clínico
    - Diretrizes nacionais para a prevenção





    Fonte:Nominuto
    RNContra a Dengue

    Polícia Rodoviária Federal aceita acordo com governo e encerra greve

    O acordo foi assinado no fim da noite de ontem (28) em que os policiais rodoviários aceitam o aumento salarial de 15,8%, escalonado em três anos


    Os representantes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) também decidiram aceitar a proposta de reajuste oferecida pelo governo. O acordo foi assinado no fim da noite de ontem (28) em que os policiais rodoviários aceitam o aumento salarial de 15,8%, escalonado em três anos, a partir de 2013. O termo ratifica o fim das negociações com a categoria.

    Segundo o presidente da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais, Pedro Cavalcanti, os trabalhadores já foram informados sobre a assinatura do acordo e devem retornar aos postos de trabalho. “O acordo foi fechado próximo da meia-noite e colocamos uma nota no site orientando que os servidores retornassem às atividades. Acredito que a maior parte já está atuando normalmente”, comentou.

    Além do reajuste de 15,8%, também oferecido a outras categorias de servidores, os agentes da PRF e o governo chegaram a um acordo sobre o cargo de policial rodoviário federal ser enquadrado como nível superior, o fim do limitador de 50% para progressão de carreira e alteração de nomenclatura para as classes das carreiras.

    “O aumento vai ser linear entre os servidores. É um valor que não nos agrada pela distorção que temos na carreira, mas foi satisfatório diante da conjuntura de crise nacional e internacional. Entendemos que foi razoável. O fator determinante foi o governo ter aceitado nosso pleito de sermos tratados como nível superior, já que todo agente necessita de diploma [de curso] superior para atuar”, avaliou o presidente da federação.

    A Polícia Rodoviária Federal é a quinta categoria a assinar o termo proposto pelo governo e garantir o aumento salarial para 2013. Além da PRF, os servidores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), da Federação de Sindicatos de Professores de Instituições de Ensino Superior (Proifes) e da Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras (Fasubra) também fecharam acordo.

    Apesar do número pequeno de “formalizações” do termo, o Ministério do Planejamento considera que 90% das categorias tenham aceitado a proposta do governo, contabilizando 31 entidades representativas dos servidores públicos de um total de 36. Até o momento, recusaram a oferta os servidores do Banco Central (BC), da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), da Superintendência de Seguros Privados (Susep), os agentes da Polícia Federal e os auditores fiscais da Receita Federal.
     

    Fonte:Nominuto

    Mensalão: Cezar Peluso condena João Paulo, Pizzolato e grupo de Valério

    Segundo o Ministério Público Federal (MPF), o dinheiro foi usado para pagar o apoio de políticos da base aliada.

    O ministro Cezar Peluso se despediu hoje (29) do cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) com um voto duro pela condenação de todos os réus envolvidos nas acusações de desvio de dinheiro que constam da Ação Penal 470, o chamado mensalão. Segundo o Ministério Público Federal (MPF), o dinheiro foi usado para pagar o apoio de políticos da base aliada.

    Peluso encaminhou a maior parte de suas considerações por escrito e destacou os pontos que considerou mais importantes. Contrariando especulações, ele não antecipou todo o voto e falou apenas sobre os itens já apreciados pelos demais ministros.

    O ministro entendeu que o deputado federal João Paulo Cunha (PT-SP) e os publicitários Marcos Valério, Ramon Hollerbach e Cristiano Paz participaram de desvios na Câmara dos Deputados e devem ser condenados pelos crimes de corrupção e peculato. “Um político experimentado jamais chega por acaso à presidência da Câmara e teria que conversar com um publicitário sobre o quê? Sobre a situação política do país?”, ironizou.

    Para ele, “parece coisa evidentíssima” que as visitas e presentes não eram “cortesia ou elegância, mas um ato com interesse econômico bem estabelecido”.

    Peluso também classificou como “inacreditável” a tese de que os R$ 50 mil sacados pela mulher de João Paulo foram usados para pagar pesquisas políticas quase dois anos antes das eleições de 2004. “Ainda que não tenha praticado nenhum ato de ofício, lícito ou ilícito, [João Paulo] não poderia, sem cometer crime de corrupção, ter aceitado esse dinheiro dos sócios da empresa”.

    Peluso só não condenou João Paulo por um dos crimes de peculato – na contratação do jornalista Luís Costa Pinto – e pelo crime de lavagem de dinheiro. Segundo Peluso, o que o parlamentar fez “foi receber, às escondidas, o que não podia receber em público” e tudo está incluído no crime de corrupção.

    Quanto às acusações de desvios no Banco do Brasil e no fundo Visanet, Peluso seguiu a maioria unânime formada até o momento e condenou todos os réus – o ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato e o grupo de Valério, por corrupção e peculato. Pizzolato também foi condenado pelo crime de lavagem de dinheiro. O ministro seguiu ainda a maioria unânime pela absolvição do ex-ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República Luiz Gushiken.

    Embora os ministros tenham definido que só vão definir o tamanho da pena de cada réu condenado no final do julgamento, Peluso adiantou suas opiniões nesse ponto. Somando todas as penas, ele estipulou seis anos de prisão para João Paulo Cunha em regime semiaberto. Em regime fechado, 16 anos de prisão para Marcos Valério, dez anos e oito meses de prisão para Ramon Hollerbach e Cristiano Paz e oito anos e quatro meses de prisão para Henrique Pizzolato.

     

    Fonte;Nominuto

    Unidade Acadêmica de Garanhuns promove II Intercâmbio entre Núcleos de Agroecologia da UFRPE

    terça-feira, 28 de agosto de 2012

     

    A Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), através da Unidade Acadêmica de Garanhuns (UAG), por intermédio do Núcleo de Agroecologia, promoverá o II Intercâmbio entre Núcleos de Agroecologia da Universidade. O evento acontecerá nos dias 30, 31 de agosto e 1º de setembro de 2012, na UAG.

    Este Intercâmbio envolve o Projeto AGROFAMILIAR , Rodas de Debate e Núcleo de Estudo, Pesquisa e Extensão em Agroecologia e Agricultura Familiar e Camponesa, da UAG/UFRPE, coordenado pela professora Horasa Andrade; o NEPPAS - Núcleo de Estudos, Pesquisas e Práticas Agroecológicas do Semiárido, da UAST/UFRPE, coordenado pela professoa Laetícia Medeiros Jalil; e o NAC - Núcleo de Agroecologia e Campesinato, coordenado pela professora Maria Virgínia de Almeida Aguiar.


    A programação está composta por rodas de diálogo, relatos de experiências, mesas redondas, visitas de intercâmbio a experiências agroecológicas da região, apresentação culturais, entre outras atividades, explica a professora Horasa.

    Ainda de acordo com a coordenação do Intercâmbio, estão disponíveis 20 vagas para alunos e 20 vagas para professores da UFRPE/UAG, que podem realizar suas inscrições mediante o e-mail: agrofamiliar@ymail.com.

     Fonte: ASCOM
    Enviado pelo Blog;Falando Francamente

    Policial militar ganha indenização por desvio de função



    Um policial militar que exercia funções atribuídas ao cargo de delegado de Polícia Civil, ganhou na justiça o direito a diferença remuneratória – a título de indenização substitutiva pelo desvio de função caracterizado. Nos autos, o Estado do Rio Grande do Norte contestou “pela a improcedência da pretensão deduzida na exordial”.

    A ação indenizatória foi do servidor público com iniciais A. B. dos S que à época pertencia o cargo de 3º Sargento da PM. A diferença remuneratória será de acordo com o período – de 27/06/03 à 25/08/08 - em que o policial militar exerceu o cargo de delegado, no município de Cerro Corá – distante 141 km de Natal.

    De acordo com a decisão da titular da 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal, Ana Cláudia Secundo da Luz e Lemos, o policial militar deverá ser indenizado por danos materiais.

    A Súmula nº 685 do Supremo Tribunal Federal garante que "é inconstitucional toda modalidade de provimento que propicie ao servidor investir-se, sem prévia aprovação em concurso público destinado ao seu provimento, em cargo que não integra a carreira na qual anteriormente investido."

    Porém, o autor da ação requere a diferença remuneratória entre os vencimentos do cargo efetivo e os daquele exercido de fato. Segundo a jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça, “quando há desvio de função do servidor público, é devida a diferença salarial correspondente à função efetivamente desempenhada”.
     Fonte: O Minuto.Com   Quinta-feira, 21/04/2011 às 11h36



    Dengue preocupa Garanhuns

     

    Foi concluído o 4º ciclo do Índice de Infestação Predial em Garanhuns, que apresenta os focos do Aedes Aeghipt, mosquito transmissor da Dengue, nas residências do Município. O resultado continua preocupante e requer maior atenção da população local. Segundo dados da Secretaria de Saúde, através da Vigilância Ambiental, o Município apresenta um índice geral que atinge 12,1 na escala. O ciclo anterior registrou 11,9. 

    Os maiores focos do Aedes se encontram nas comunidades do Aloísio Pinto, Indiano, Cohab 1, Massaranduba, Manoel Cheú e Vila Lacerdópolis. A situação também é preocupante nos bairros do Magano, Cohab II, Boa Vista, Liberdade, Jardim Petrópolis e Parque Fênix. “Continuo frisando a importância da participação popular no combate ao mosquito da dengue. Pois sem a colaboração de todos, é inviável conseguirmos um resultado satisfatório”, afirmou o Coordenador de Educação em Saúde da Prefeitura, Eliel Duarte. 

    Até o momento, foram notificados 603 casos suspeitos da doença. Destes, 408 casos da dengue clássica foram confirmados, e nenhum caso de dengue hemorrágica. Pessoas com sintomas semelhantes aos da Dengue, como: febre, vômitos, dores e manchas no corpo, deverão procurar as Unidades de Saúde mais próximas para serem notificados pelas equipes de saúde. A observação é que não pratiquem a automedicação.

    Com a meta de controlar a proliferação do mosquito transmissor da dengue no Município, tendo em vista o alto índice de infestação em vários bairros da Cidade, bem como o período de chuvas e o sol no próximo mês de setembro, a Secretaria de Saúde, continua com as ações de educação em saúde e mobilização social, através de parcerias como o núcleo acadêmico de Educação em Saúde, criado na UPE Garanhuns - o qual, acadêmicos de cursos distintos promovem palestras e vídeos debate sobre a doença; além de caminhadas de prevenção, nas ruas dos bairros mais atingidos. 

    A Secretaria de Saúde também busca intensificar as ações por meio da ampliação do quadro de Agentes Comunitários de Saúde, que em breve vai passar de 50 para 82 profissionais. Diariamente, a equipe de Agentes visita os mais de 44 mil domicílios de Garanhuns e retornam em períodos de 60 dias.

    COMBATE A DENGUE - Limpeza de quintais e armazenamento d’água adequado em recipientes bem fechados continua sendo necessário ao combate do mosquito da Dengue. Qualquer possibilidade de acúmulo de água limpa e parada, em poças ou objetos, precisa ser eliminada para dificultar o surgimento do mosquito. Reservatórios, que já tenham sido criadores do Aedes, ainda que secos, também podem gerar o mosquito. Pois o ovo pode passar até um ano colado na parede de um reservatório, esperando por água. E assim que houver o contato, ele eclode e novamente passa a ser um foco do mosquito da Dengue.

    Informações: Prefeitura de Garanhuns
    Enviado pelo Blog: Falando Francamente

    terça-feira, 28 de agosto de 2012

    Corpo de Bombeiros chega a sítio que era de Bruno para escavação


    28/08/2012 14h38 - Atualizado em 28/08/2012 15

    Denúncia anônima à polícia dizia que corpo de Eliza Samudio está no local.
    Propriedade foi vendida há cerca de seis meses, em Esmeraldas.

    Do G1 MG
    84 comentários
    Escavação no sítio que pertenceu ao goleiro Bruno, em Esmeraldas. (Foto: Reprodução/TV Globo)Escavação no sítio que pertenceu ao goleiro Bruno, em Esmeraldas. (Foto: Reprodução/TV Globo)
    O Corpo de Bombeiros e a perícia da Polícia Civil, além de policiais, estão no sítio que era do goleiro Bruno Fernandes, em um condomínio de Esmeraldas, próximo a Belo Horizonte, na tarde desta terça-feira (28) para começar uma nova busca ao corpo de Eliza Samudio. Uma denúncia anônima ao Disque Denúncia na noite desta segunda-feira (27) disse que uma ossada estava entre palmeiras, na entrada da propriedade.
    Escavação no sítio que pertenceu ao goleiro Bruno, em Esmeraldas. (Foto: Reprodução/TV Globo)Bombeiros fazem trabalho de busca, após denúncia
    sobre corpo de Eliza (Foto: Reprodução/TV Globo)
    A escavação é feita com picaretas, no ponto indicado pelo denunciante. O advogado do novo dono do sítio, Rodrigo Miranda, disse ao G1 que a autorização para escavação foi dada pelo seu cliente. O defensor ainda disse que as informações da denúncia são vagas quanto à exatidão do local onde estaria o corpo.
    Agentes da Polícia Militar (PM), da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros estiveram no condomínio do sítio que pertencia ao goleiro Bruno Fernandes na noite desta segunda-feira (27) após a denúncia, mas não puderam entrar pela falta de mandado de busca de apreensão.
    Eliza Samudio era amante do jogador e, segundo denúncia do Ministério Público de Minas Gerais, foi morta no sítio.
    Fonte;G1

    Plano diretor define metas e está sob responsabilidade de prefeitos de MT


    28/08/2012 16h19 - Atualizado em 28/08/2012 16h20

    Documento define o que fica dentro ou mais afastado do perímetro urbano.
    Série eleições da TV Centro América mostra responsabilidade de gestor.

    Do G1 MT
    Comente agora
    Todo município com mais de 20 mil habitantes precisa ter um Plano Diretor. É ele que define a ocupação dos espaços: onde ficam as indústrias, o setor comercial, as áreas verdes. Em Mato Grosso, esse ainda é um desafio para muitos prefeitos. “O plano vai conter quais são as metas daquele município para o futuro, tanto em saneamento quanto em questões ambientais, na construção civil”, explicou o presidente do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de Mato Grosso, Juares Samaniego.
    Segundo Samaniego, muitas cidades não têm o Plano Diretor porque falta vontade política dos gestores. “O gestor por obrigação legal teria que ter um engenheiro responsável pelo setor. E esse é um profissional que tem toda a capacidade técnica para elaborar um plano e ajudar no desenvolvimento e planejamento dos municípios”.
    É nesse planejamento todo que se define o que fica dentro ou mais afastado do perímetro urbano. O comerciante Paulo Salustiano de Souza, por exemplo, tem uma lanchonete no centro de Cuiabá. “A reforma aqui é só interna e cobertura. A estrutura, a frente não pode mudar. Porta antiga, janela antiga. Não podemos mexer. Então tem que ser coisas pequenas”, ressaltou.
    Já uma indústria não ficaria bem no centro da cidade, onde não há espaço nem estrutura para isso. A opção é ter uma área adequada, conhecida como distrito ou setor industrial.
    De acordo com a arquiteta e urbanista da Associação Mato Grossense dos Municípios (AMM), Stela Antoniazzo, são analisados tanto o que a cidade tem de errado quanto o que tem de correto para elaboração do Plano Diretor. “Nós temos várias cidades no Brasil que acompanharam seu Plano Diretor e são cidades com uma vida econômica muito saudável, tanto para a população quanto para a indústria, e também para o desenvolvimento desses municípios”, pontuou.
    O Plano Diretor não é definitivo. A cada 10 anos precisa ser revisto, discutido com a população. As mudanças passam pela análise dos vereadores e, se aprovadas, são sancionadas pela prefeitura. Está previsto na Constituição Federal que todo município com mais de 20 mil habitantes, aqueles com potencial turístico e as metrópoles são obrigados a ter um Plano Direto
    Fonte:G1

    Servidores de 18 categorias aceitam oferta do governo e encerram greve


     
    28/08/2012 15h11 - Atualizado em 28/08/2012 15h37

    Decisão foi por maioria; servidores de Incra e Dnit rejeitaram proposta.
    Termina nesta terça prazo dado pelo governo para assinatura de acordos.

    Servidores federais de 18 categorias ligadas à Confederação dos Trabalhadores do Serviço Público Federal (Condsef) decidiram nesta terça-feira (28) aceitar a proposta de reajuste do governo e encerrar a greve, segundo informou o coordenador-geral da entidade, Josemilton da Costa. A decisão, por maioria absoluta, foi tomada em plenária que reuniu representantes dos estados.
    Segundo o dirigente da confederação, o acordo com o governo prevê uma reavaliação sobre o corte de ponto e a reposição dos dias pardos. O acordo deve ser assinado na tarde desta quarta.
    Segundo a confederação, aceitaram o acordo servidores da Saúde, Funasa, Previdência, Trabalho, Cultura, Fazenda, Funai, Agricultura, Arquivo Nacional, Imprensa Nacional, Museu do Índio, Planejamento, Justiça, Transportes, Embratur, Secretaria de Patrimônio da União, administrativos da Polícia Rodoviária Federal e Integração Nacional. A Condsef representa 80% do total de servidores do Executivo.
    Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) e Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), órgãos que também integram o Condsef, decidiram não aceitar a oferta.
    "Satisfeitos não estamos, a proposta é bem distante do pleito, mas o processo de negociação vai continuar", afirmou Sérgio Ronaldo, diretor da Condsef. "Acordo não significa que vamos ficar estagnados pelos próximos três anos."
    Prazo termina hoje
    Termina nesta terça o prazo dado pelo governo para assinatura de acordos. O governo ofereceu reajuste de 15,8% fatiado em três vezes até 2015.
    A maioria dos servidores deixou a decisão para o último dia, entre eles a Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF). O presidente da FenaPRF, Pedro Cavalcanti, disse que a categoria está "propensa a recusar" a oferta, já que, segundo ele, assinar o acordo em 2012 implicaria em passar os próximos três anos sem pleitear novos reajustes.
    A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) informou que decidiu rejeitar a proposta e deve definir nesta quinta-feira (30), em uma assembleia geral extraordinária em Brasília, os rumos do movimento. "O governo conhece nossas reivindicações, sabe que não estamos lutando por índice de recomposição de perdas salariais, mas sim para sermos reconhecidos como carreira típica de estado de nível superior", diz o presidente da Fenapef, Marcos Wink.
    Representantes da Sindicato do Trabalhadores da Fundação Oswaldo Cruz (Asfoc-SN) assinaram nesta segunda acordo com o governo para por fim à greve da categoria, que durava desde o dia 6 de agosto. Segundo o Ministério do Planejamento, é o único acordo assinado até o momento.
    Desde março, quando começou a campanha dos servidores por reajuste salarial, o governo diz ter participado de mais de 180 reuniões com mais de 30 sindicatos.
    Servidores que tiveram dias não trabalhados descontados da folha de pagamento do mês de agosto, que será paga em 1º de setembro, poderão negociar com o governo sob a condição de encerrarem a paralisação.
    Fonte: G1

    sábado, 25 de agosto de 2012

    Nióbio: A riqueza desprezada pelo Brasil

     


    Países ricos gostariam de tê-lo extraído do seu solo, enquanto o Brasil dispensa pouca importância a esse mineral com tão vastas qualidades e de incontáveis aplicações.
    O nióbio, símbolo químico Nb, é muito empregado na produção de ligas de aço destinadas ao fabrico de tubos para condução de líquidos. Como curiosidade, o nome nióbio deriva da deusa grega Níobe que era filha de Tântalo que foi responsável pelo nome de outro elemento químico, tântalo.
    O nióbio é dotado de elasticidade e flexibilidade que permitem ser moldável. Estas características oferecem inúmeras aplicações em alguns tipos de aços inoxidáveis e ligas de metais não ferrosos destinados à fabricação de tubulações para o transporte de água e petróleo a longas distâncias por ser um poderoso agente anti-corrosivo, resistente aos ácidos mais agressivos, como os naftênicos.
    Inúmeras são as aplicações do nióbio, indo desde as envolvidas com artigos de beleza, como as destinadas à produção de jóias, até o emprego em indústrias nucleares. Na indústria aeronáutica, é empregado na produção de motores de aviões a jato, e equipamentos de foguetes, devido a sua alta resistência a combustão. São tantas as potencialidades do nióbio que a baixas temperaturas se converte em supercondutor.
    O elemento nióbio recebeu inicialmente o nome de “colúmbio”, dado por seu descobridor Charles Hatchett, em 1801. Não é encontrado livre no ambiente, mas, como niobita (columbita). O Brasil com reserva de mais de 97%, em Catalão e Araxá, é o maior produtor mundial de nióbio, e o consumo mundial é de aproximadamente 37 mil toneladas anuais do minério totalmente brasileiro.
    As pressões externas que subjugam o povo brasileiro
    Ronaldo Schlichting, administrador de empresas e membro da Liga da Defesa Nacional, em seu excelente artigo, que jamais deveria ser do desconhecimento do povo brasileiro, chama a atenção sobre a “Questão do Nióbio” e convoca todos os brasileiros para que digam não à doutrina da subjugação nacional. Menciona que a história do Brasil foi pautada pela escravidão das sucessivas gerações de cidadãos submetidos à vergonhosa doutrina de servidão.
    Schlichting, de forma oportunista, desperta na consciência de todos que “qualquer tipo de riqueza nacional, pública ou privada, de natureza tecnológica, científica, humana, industrial, mineral, agrícola, energética, de comunicação, de transporte, biológica, assim que desponta e se torna importante, é imediatamente destruída, passa por um inexorável processo de transferência para outras mãos ou para seus ‘testas de ferro’ locais”.
    Identificam-se, nos dizeres do membro da Liga de Defesa Nacional, as estratégias atualmente aplicadas contra o Brasil nesta guerra dissimulada com ataques transversais, característicos dos combates desfechados durante a assimetria de “4ª Geração”. Os brasileiros têm que ser convencidos de que o Brasil está em guerra e que de nada adianta ser um país pacífico. Os inimigos são implacáveis e passivamente o povo brasileiro está assistindo a desmontagem do país. Na guerra assimétrica, de quarta geração de influências sutis, não há inicialmente uso de armas e bombardeios com grande mortandade. O processo ocorre de forma sub-reptícia, com a participação ativa de colaboracionistas, entreguistas, corruptos, lobistas e traidores. O povo na sua esmagadora maioria desconhece o que de gravíssimo está ocorrendo na sua frente e não esboça nenhum tipo de reação. Por trás, os países hegemônicos, mais ricos, colonizadores, injetam volumosas fortunas em suas organizações nacionais e internacionais (ONGs, religiosas, científicas, diplomáticas) para corromperem e corroerem as instituições e autoridades nacionais para consequentemente solaparem a moral do povo e esvaziar a vontade popular. Este tipo de acontecimento é presenciado no momento no Brasil.
    As ações objetivas efetuadas
    A sobretaxação do álcool brasileiro nos EUA; as calúnias internacionais sobre o biodiesel; a não aceitação da lista de fazendas para a venda de carne bovina para a União Europeia (UE); a acusação do jornal inglês “The Guardian” de que a avicultura brasileira estaria avançando sobre a Amazônia; as insistentes tentativas pra a internacionalização da Amazônia; a possível transformação da Reserva Indígena Ianomâmi (RII), 96.649Km2, e Reserva Indígena Raposa Serra do Sol (RIRSS), 160.000Km2, em dois países e o conseqüente desmembramento do norte do Estado de Roraima e incontáveis outras tentativas, algumas ostensivas, outras insidiosas. Elas deixam claro que estamos no meio de uma guerra assimétrica de quarta geração, que o desfecho poderá ser o ataque de forças armadas coligadas (OTAN), lideradas pelos Estados Unidos da América do Norte.
    É importante chamar a atenção dos brasileiros para o fato de que a RII é para 5.000 indígenas e que a RIRSS é para 15.000 indígenas. Somando as duas reservas indígenas dão 256.649Km2 para 20.000 silvícolas de etnias diferentes, que na maioria nunca viveram nas áreas, muitos aculturados e não reivindicaram nada. Enquanto as duas reservas indígenas somam 256.649Km2 para 20 mil almas, a Inglaterra com 258.256Km2 abriga uma população de aproximadamente 60 milhões de habitantes.
    Esta subserviência do Brasil vem de longa data conforme pontifica Ronaldo Schlichting. Ela vem desde “o Império”, sendo adotada já no alvorecer da “República” e pode ser exemplificada por “ONGs, fundações, igrejas, empresas, sociedades, partidos políticos, fóruns, centro de estudos e outras arapucas”.
    As diversas aplicações do Nióbio
    Entre os metais refratários, o nióbio é o mais leve prestando-se para a siderurgia, aeronáutica e largo emprego nas indústrias espacial e nuclear. Na necessidade de aços de alta resistência e baixa liga e de requisição de superligas indispensáveis para suportar altas temperaturas como ocorre nas turbinas de aviões a jato e foguetes, o nióbio adquire máxima importância. Podem ser exemplificados outros empregos do nióbio na vida moderna: produção de aço inoxidável, ligas supercondutoras, cerâmicas eletrônicas, lente para câmeras, indústria naval e fabricação de trens-bala, de armamentos, indústria aeroespacial, de instrumentos cirúrgicos, e óticos de precisão.
    O descaso nas negociações internacionais
    A Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), a maior exploradora mundial, do Grupo Moreira Salles e da multinacional Molycorp, em Araxá, exporta 95% do nióbio extraído de Minas Gerais.
    Segundo o artigo de Schlichting, que menciona o citado no jornal Folha de São Paulo, 5 de novembro de 2003: “Lula passou o final de semana em Araxá em casa da CBMM do Grupo Moreira Salles e da multinacional Molycorp…” E, complementa que “uma ONG financiou projetos do Instituto Cidadania, presidido por Luiz Inácio da Silva, inclusive o ‘Fome Zero’, que integra o programa de governo do presidente eleito”.
    O Brasil como único exportador mundial do minério não dá o preço no mercado externo, o preço do metal quase 100% refinado é cotado a US$ 90 o quilo na Bolsa de Metais de Londres, enquanto que totalmente bruto, no garimpo o quilo custa 400 reais. Na cotação do dólar de hoje (R$ 1,75), R$ 400,00 = $ 228,57. Portanto, $ 228,57 – $ 90,00 = $ 138,57. Como conclusão, o sucesso do governo atual nas exportações é “sucesso de enganação”. O brasileiro é totalmente ludibriado com propagandas falsas de progressos nas exportações, mas, em relação aos negócios internacionais, de verdadeiro é a concretização de maus negócios.
    Nas jazidas de Catalão e Araxá o nióbio bruto, extraído da mina, custa 228,57 dólares e é vendido no exterior, refinado, por 90 dólares. Como é que pode ocorrer tal tipo de transação comercial com total prejuízo para a população do país? É muito descaso com as questões do país e o desinteresse com o bem-estar do povo brasileiro. Como os EUA, a Europa e o Japão são totalmente dependentes do nióbio e o Brasil é o único fornecedor mundial, era para todos os problemas econômicos, a liquidação total da dívida externa e de subdesenvolvimento serem totalmente resolvidos.
    Deve ser frisada a grande importância do nióbio e a questão do desmembramento de gigantescas fatias de territórios da Amazônia, ricas deste metal e de outras jazidas minerais já divulgadas. As pressões externas são demasiadas e visam a desmoralização das instituições brasileiras das mais diversas formas, conforme pode ser comprovado nas políticas educacionais e nos critérios de admissão de candidatos às universidades. Métodos que corrompem autoridades destituídas de valores morais são procedimentos que contribuem para a desmontagem do país. Uma gama extensa de processos que permitam os traidores obterem vantagens faz parte para ampliar a divulgação da descrença, anestesiando o povo, dando a certeza de que o Brasil não tem mais jeito.
    A questão do nióbio é tão vergonhosa que na realidade o mundo todo consome 100% do nióbio brasileiro, sendo que os dados oficiais registram como exportação somente 40%. Anos e anos de subfaturamento tem acumulado um prejuízo para o país de bilhões e bilhões de dólares anuais.
    Ronaldo Schlichting, no seu artigo publicado, ressalta que “no cassino das finanças internacionais o jogo da moda é chamado de ‘mico preto’, cujo perdedor será aquele que ao fim do carteado ficar com a carta do mico, denominada dólar”. É, devido à incompetência do governo brasileiro e do ministro da Fazenda, quem ficou com o mico preto foi o povo brasileiro, o papel pintado, falso, sem valor, chamado de dólar.
    O que está ocorrendo é que o Brasil está vendendo todas as suas riquezas de qualquer jeito e recebendo o pagamento em moeda podre, sem qualquer valor, ficando caracterizada uma traição ao país e ao povo brasileiro.
    Fonte: Opinião e Noticia

    sexta-feira, 24 de agosto de 2012

    NOVAMENTE,DE NOVO ,OUTRA VEZ!

     



    CONTINUA  O DESCARTE IRREGULAR DE LIXO ELETRÕNICO EM CAMARAGIBE-PE. ESSE 'LIXO' QUE VOCE VÊ,FOI JOGADO NO 'QUINTAL' DO PRÉDIO DA PREFEITURA.


    Lei Maria da Penha completa 06 anos e governo federal cria campanha para combater violência contra a mulher


    O Governo Federal, através da coordenação da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR), e em parceria com órgãos como o Ministério da Justiça, o Conselho Nacional de Justiça, o Conselho Nacional do Ministério Público, o Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça, o Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União e o Conselho Nacional de Defensores Públicos Gerais, lançou a campanha: " Compromisso e Atitude pela Lei Maria da Penha- A lei é mais forte".

    A campanha que deverá acontecer de forma macissa nas regiões que apresentam maiores índices de violência contra a mulher pretende incentivar o aumento de denúncias e reduzir a impunidade.
    Mobilização Nacional

    A primeira fase da campanha “Compromisso e Atitude pela Lei Maria da Penha – A lei é mais forte”, está veiculada em emissoras de TV aberta sobre o tema, além de divulgações em portais de internet e ação em redes sociais. 
    A segunda fase do programada tem início nesta sexta-feira, 24 de agosto, através da realização de seminários regionais e, também, pelo lançamento da página Compromisso e Atitude, que será um espaço para agentes de direito e justiça, utilizarem como instrumento para o trabalho e fonte segura de dados, doutrinas e jurisprudências. 
    Os encontros acontecerão de agosto a dezembro, em Alagoas, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Pará e Paraná.
    Panorama da violência
    No primeiro semestre de 2012, foram registrados 388,9 mil atendimentos, dos quais 56,6% (47,5 mil) foram relatos de violência física. A violência psicológica aparece em 27,2% (12,9 mil) dos registros no período. Foram 5,7 mil chamadas relacionadas à violência moral (12%), 915 sexual (2%) e 750 patrimonial (1%). Os dados são da Secretaria de Políticas para as Mulheres, responsável pelo disque-denúncia 180, que revela que, em 66% dos casos, os filhos presenciam as agressões contra as mães.
    O Disque 180 registrou 2,7 milhões de atendimentos de 2006 a 2012, período de vigência da Lei. Desse total, 329,5 mil (14%) eram relatos de violência contra a mulher enquadrados na lei. A maioria (60%) da ligações era pedido de informação. 
    Os companheiros e cônjuges continuam sendo os principais agressores (70% das denúncias neste ano). Se forem considerados outros tipos de relacionamento afetivo (ex-marido, ex-namorado e ex-companheiro), o percentual sobe para 89%. Os parentes, vizinhos, amigos e desconhecidos aparecem como agressores em 11%.
    Das unidades federativas, o Distrito Federal registrou o maior número de denúncias de violência contra a mulher no primeiro semestre do ano - 625 para cada 100 mil mulheres - seguido pelo Pará (515) e pela Bahia (512). Os que menos receberam ligações, no mesmo período, foram Amazonas (93), Santa Catarina (156) e Rondônia (173). Em 2011, os estados que lideravam o ranking eram Bahia, Sergipe e Pará.
    Informações: Governo Federal 
    Enviado pelo Blog: Falando Francamente

    Doença semelhante a AIDS pode ter sido descoberta na Ásia.


    Um estudo clínico liderado por pesquisadores do Instituto Nacional de Saúde dos EUA encontrou na Ásia uma nova doença que ataca o sistema de defesa do corpo e tem sintomas parecidos com os da Aids.
    Os resultados do trabalho foram publicados na última quinta-feira (23) na edição online da revista "New England Journal of Medicine".
    As causas do problema ainda são desconhecidas, mas parecem ser adquiridas e crônicas, e não transmitidas de pessoa para pessoa – ao contrário do vírus HIV, cujo contágio ocorre por contato com fluidos corporais como sangue e sêmen.
    Os cientistas avaliaram 203 pessoas entre 18 e 78 anos, na Tailândia e em Taiwan, onde se concentra a maioria dos casos desde 2004. Os voluntários – todos soronegativos, ou seja, sem o vírus do HIV – foram divididos em cinco grupos, entre saudáveis (48) e com diferentes tipos de infecção (155). Houve predominância de uma bactéria chamada micobactéria não tuberculosa, parente próximo dos micro-organismos que causam tuberculose e doença pulmonar grave.
    Os autores, liderados por Sarah Browne e Burbelo Pedro, analisaram o sangue dos participantes e chegaram à conclusão de que essa deficiência imunológica, que favorece o aparecimento de doenças oportunistas, pode ter sido provocada por anticorpos (proteínas de defesa) que atacam uma molécula chamada interferon-gama (IFN-gama), responsável por eliminar infecções.
    Do total de pessoas com infecções, 88% tinham os anticorpos – chamados de "autoanticorpos" – que bloqueavam a ação dessa molécula e tornavam os indivíduos mais propensos ao ataque de bactérias, vírus, fungos e parasistas.
    Recentemente, pesquisadores do Sudeste Asiático relataram vários casos de micobacterioses em pessoas – que vivem no continente e também no exterior – sem problemas de imunidade conhecidos. Isso requer, na opinião dos americanos que lideraram o estudo, novas avaliações para determinar se os asiáticos estão mais predispostos a essa doença autoimune.
    Como a média de idade dos participantes com essa micobactéria e outras infecções oportunistas foi de 50 anos, os cientistas especulam que esses anticorpos se desenvolvem ao longo do tempo, como resultado de uma combinação de fatores genéticos e ambientais.
    No futuro, após a causa do problema ser identificada, os autores dizem que será possível estabelecer um tratamento, com foco nas células que produzem os autoanticorpos. Mas já se sabe que antibióticos não são eficazes no combate à doença, e medicamentos contra o câncer que inibem a produção de anticorpos têm sido uma aposta inicial.
    Informações: G1 
    Enviado pelo Blog :Falando Francamente

    Pesquisar este blog