Google+ Followers

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

DENÚNCIA : HOSPITAL DA POLÍCIA MILITAR NEGLIGENCIA SAÚDE DE SEUS ASSOCIADOS

Recebi denúncias de titulares e dependentes do SISMEPE.

  1. Alguns estão sendo atendidos no CMH e encaminhados para os hospitais do SUS
  2. Mesmo sendo descontado nos contra-cheques do PMs, valores referentes ao convênio para se beneficiarem de exames e clínicas conveniadas, quando atendidos no hospital , os mesmos ao necessitarem de exames, estão sendo encaminhados aos hospitais do SUS, entornando a fila dos menos favorecidos.
  3. Há paciente portador de glaucoma com reno patia  alegando que, pela demora na liberação dos exames e uma injeção de auto custo, já perdeu a visão de um olho.
  4. Registrei queixa de uma paciente que precisou de exame para (contagem de plaquetas) e foi negado. A mesma teve que fazer particular "sem poder"
  5. Até a  liberação para limpeza de lentes após cirurgia de catarata está sendo negado.
E tem mais. Os novos integrantes do SISMEPE, entram numa carência de 135 dias antes da 1ª consulta.
Isso é um absurdo!
Que tal uma auditoria no CMH?
As demandas serão protocoladas  no Ministério Público para providências.


Laudicéa

Pesquisar este blog