Google+ Followers

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

EUA fazem ataque aéreo contra militantes islamitas no Iraque


  (Foto: US NAVY/Lorelei Vander Griend/AFP)
Na quinta-feira (7) o presidente Barack Obama autorizou um ataque aéreo contra posições do Estado Islâmico (EI) no Iraque, para defender as minorias que estão sendo massacradas pelos jihadistas no país. As Forças Armadas dos Estados Unidos realizaram o bombardeio nesta sexta-feira (8) anunciou um porta-voz do Pentágono. Dois anos e meio depois da retirada americana, os jihadistas do EI conseguiram se apoderar de uma parte do noroeste do país, na fronteira com a Síria.
Duas aeronaves F/A-18 lançaram bombas guiadas por laser contra uma artilharia móvel dos jihadistas perto de Erbil, segundo Kirby. Ele afirmou que os rebeldes islamitas têm utilizado esta artilharia para bombardear as forças curdas que estão defendendo Erbil, onde tropas americanas estão localizadas.
“A decisão sobre este ataque foi feita pelo comandante do Centro de Comando dos EUA, sob a autorização dada a ele pelo comandante em chefe [o presidente Obama]”, disse o porta-voz.
Após a ação americana contra as posições jihadistas, o chefe de equipe do exército iraquiano disse esperar que as tropas federais e as forças curdas peshmergas recuperem grandes extensões de terra.
Relutante em enviar tropas norte-americanos para Oriente Médio novamente após custosas guerras no Iraque e Afeganistão, Obama disse ter aprovado um limitado uso do poderio aéreo para proteger pessoal dos EUA caso os militantes do Estado Islâmico continuem a se aproximar de Erbil.

Pesquisar este blog