Google+ Followers

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

GO: Presa suspeita de vender bebê recém-nascido

Uma jovem de 24 anos foi presa suspeita de vender o próprio bebê recém-nascido a um empresário, de 43 anos, que iria registrar o menino como seu filho biológico. Os dois foram detidos no domingo (24), em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana, no momento em que a garota deixava o hospital onde teve o bebê.
O homem pagou, R$ 5 mil pela criança, valor comprovado até a tarde desta segunda-feira (25) por meio de depósitos bancários.
O caso foi registrado no 1º Distrito Policial. Segundo o titular da unidade, Tiago Martimiano, a mãe confessou o crime. Autuada em flagrante por vender o menino mediante pagamento, a jovem foi libertada após pagar fiança de R$ 2.127. Ela não revelou quem é o pai da criança, que foi encaminhada ao Conselho Tutelar de Nerópolis, onde a mãe mora.
Já o homem, conforme o delegado, confirmou à polícia que ia ficar com o recém-nascido, mas negou que fosse comprá-lo.
O empresário Airton Angotti, foi autuado em flagrante por tentar registrar a criança como sendo dele. Segundo o delegado, esse crime é inafiançável e ele está à disposição do Poder Judiciário. Ele também responderá por ameaça pois  a mãe alegou  que tentou desistir da venda, mas o empresário a ameaçou.Ele será transferido para o Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia.
A mãe da jovem e o aliciador também devem ser investigados.

Pesquisar este blog