Google+ Followers

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Presidente da Ucrânia relata ataques na fronteira russa

O vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, conversou nesta quarta-feira (6) por telefone com o presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko, que lhe informou "sobre o envolvimento direto da Rússia no conflito", depois que artefatos explosivos foram lançados contra as forças militares ucranianas do lado russo da fronteira.
"Os dois líderes expressaram sua preocupação com as declarações russas sugerindo um papel para 'forças de paz' russas na Ucrânia, com a escalada militar permanente da Rússia na fronteira da Ucrânia, e com a continuação da transferência de armas da Rússia para os rebeldes na Ucrânia", afirmou a Casa Branca em comunicado.
Poroshenko reforçou "seu compromisso de evitar baixas civis e minimizar os efeitos colaterais ao tentar restaurar a lei e a ordem no leste da Ucrânia", uma situação sobre a qual os dois líderes também discutiram as possibilidades de uma solução diplomática.
Na semana passada, os Estados Unidos e a União Europeia (UE) aumentaram as sanções contra a Rússia pela falta de vontade do governo de Vladimir Putin em acabar com os enfrentamentos entre ucranianos e os separatistas pró-russos.


Pesquisar este blog