Google+ Followers

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

CAMARAGIBE: O ESPAÇO DO SABER EM ALDEIA, QUE NUNCA FUNCIONOU FOI DEPREDADO


No final da gestão passada, o prefeito anterior inaugurou várias obras "elefantes brancos"para justificar a prestação de contas. Uma delas foi o Espaço Saber em Aldeia. Desde então, o Espaço é só espaço...muito mato e até construções de casas no muro da obra.

Atualmente, após ação de vândalos, o Espaço encontra-se depredado.
No dia 05 de setembro de 2013, um grupo de conselheiros de saúde visitou o local na intenção de viabilizar a utilidade do espaço em algo de proveito para a população, como uma UPA. Isso não foi possível por contrariar as regras de investimento federal, pois a verba havia sido   destinada a Educação e não a Saúde.Veja:http://www.impunidadetransparente.com/2013/09/o-cms-de-camaragibe-visita-o-espaco-de.html

Dinheiro público, literalmente pelo ralo....
Consta que dois desses Dinossauros (há outra obra de arte), custaram  a prefeitura R$ 70 mil.
O que deveria servir a comunidade está agora sem valia pois levaram: Portas- 03 aparelhos de ar condicionados- janelas- bacia sanitária- chuveiro entre outros. Sem contar que virou encontro de... qualquer coisa.
A quem atribuir a responsabilidade do mau emprego das vergas públicas? É dessa forma que se faz prestação de contas? No mínimo irão licitar de novo para fazer o que deveria ter sido feito. E o prejuízo?
Veja a publicidade em 30 de dezembro de 2012Prefeitura de Camaragibe inaugurou obras estruturadoras e muito importantes para nossa cidade, neste domingo (30).
O Espaço do Saber é um ambiente com 8 hectares , voltado para atividades pedagógicas e interdisciplinares e é o segundo em Pernambuco, só perde para o Espaço Ciência, em Olinda. O Espaço do Saber tem o intuito de atrair alunos da rede municipal, estadual, escolas particulares e universidades para conhecer a área, rica em atividades lúdicas e educacionais. O Espaço funcionará todos os dias, através de agendamentos das escolas. O Espaço é formado por trilhas com cerca de 1.800 metros direcionadas a educação vivenciada. Nas trilhas, serão voltadas para seguimentos da ciência como: Ecológica; matemática; lógica; física; geografia; história e cultura entre os círculos do município que conta todo o desenvolvimento da região. Na caminhada das trilhas os estudantes irão observar e interagir com experimentos ligados ao conhecimento de cada ciência, de forma que vivencie no percurso o conhecimento teórico de sala de aula. Além das trilhas, o Espaço do Saber também vai contar com o apoio da brigada ambiental e patrimonial da região. Bem como, três memoriais ligados a flora e fauna da região. É importante destacar que o Espaço do saber, não se trata apenas de um parque, mas um espaço importante e de grande possibilidade de recuperar com a participação dos estudantes e moradores, a educação ambiental de um manancial que a várias décadas, precisava ser resgatado.

Pesquisar este blog