Google+ Followers

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

DF: Pastor agredido por causa de assento de ônibus, perde o olho e continua em estado grave

O pastor Alessandro Veloso Pires, que foi agredido em ônibus a caminho do DF (Foto: Patrick Lucas Pires/Arquivo Pessoal)
O pastor Alessandro Veloso Pires, que foi agredido
em ônibus a caminho do DF
(Foto: Patrick Lucas Pires/Arquivo Pessoal)
No último domingo (7) um pastor de 40 anos, saiu de Goiânia (GO) com os dois filhos mais novos, de 5 e 12 anos, para assistir ao primogênito desfilar pelo Exército nas celebrações da Independência. Ele havia reservado os assentos 38 e 40. Ao entrar no ônibus, encontrou um homem ocupando um deles. O homem  se recusou a desocupar a poltrona reservada. O pastor encontrou outro assento vago e se estabeleceu.  Assim que o veículo estacionou em Taguatinga o homem se levantou e agrediu o pastor que estava com o filho de 5 anos no colo,sem chance de defesa e o golpeou várias vezes na cabeça com uma faca. O pastor perdeu o olho, parte de massa encefálica e continua internado  em estado grave no Hospital de Base e corre risco de morte. A Polícia Civil procura o suspeito.

Pesquisar este blog