Google+ Followers

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Enfermeira é esfaqueada dentro de hospital após morte de bebê

Mulher foi presa ainda no hospital, após ter esfaqueado enfermeira em Campos, RJ (Foto: Filipe Lemos / Campos 24 Horas)
(Foto: Filipe Lemos / Campos 24 Horas) 
No início da manhã desta segunda-feira (8) no Hospital dos Plantadores de Cana, no Centro de Campos, a avó de um bebê invadiu um hospital do Rio, e esfaqueou uma enfermeira poucos dias após a criança recém-nascida morrer dentro da unidade de saúde. Segundo informações da Polícia Militar, a agressora contou, ainda no local do crime, que o neto havia morrido e a filha permanecia internada na unidade. A enfermeira agredida levou duas facadas e é responsável pela UTI Neonatal. Ela foi encaminhada para o Hospital Ferreira Machado, mas não corre risco de morrer.
Segundo informações de testemunhas, Claudeia Ribeiro Jurdino Sampaio, de 44 anos, entrou no hospital e afirmou que queria ir até a ouvidoria, que fica no mesmo andar da UTI Neonatal.
Após entrar na unidade, a mulher foi direto para a UTI. Ao chegar lá, procurou pela enfermeira Pâmela da Costa Araújo, de 31 anos, que estava no local, e começou as agressões com a faca.
Faca usada por avó contra a enfermeira
(Foto: Reprodução / Inter TV)
Os seguranças conseguiram tirar a faca da mão da agressora e trancá-la em uma sala até a chegada da polícia. Claudeia Sampaio foi presa e saiu do local algemada. A faca usada no crime também foi apreendida. Ela foi levada para a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), responsável pelo registro da ocorrência.
A enfermeira recebeu os primeiros atendimentos no próprio serviço e depois,  encaminhada ao Hospital Ferreira Machado. A vítima foi atingida no braço esquerdo e no lado esquerdo do abdome. Ela está internada no repouso e o estado de saúde é estável.
Em nota, a direção do Hospital Plantadores de Cana (HPC) informou que a direção está aguardando a apuração da polícia.

Pesquisar este blog