Google+ Followers

sábado, 27 de setembro de 2014

TRT-PE determina bloqueio de contas e bens de empresa de formaturas no Recife


O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou nesta sexta-feira (26) o bloqueio de todas as contas dos proprietários da empresa W9! Comunicação e Eventos LTDA, acusada de calote contra formandos do Recife. O documento estabelece ainda a penhora e intransferibilidade de todo e qualquer veículo ou imóvel pertencente à empresa e seus sócios. O pedido de bloqueios havia sido feito pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), por meio de uma ação cautelar, na quinta-feira (25).
O proprietário da agência é suspeito de lesar ao menos 150 comissões de formatura, causando um prejuízo estimado em R$ 10 milhões ao comunicar o fim das atividades. O documento do TRT diz ainda que devem ser obtidas, junto à Receita Federal, as duas últimas declarações de rendimentos da empresa e seus sócios para apreciação em juízo. O texto observa que os pedidos de bloqueio atendem aos artigos 273 e 804 do Código Penal Civil e afirma que "[a empresa] encerrou suas atividades deixando diversos formandos em verdadeiro estado de calamidade ante a proximidade de suas formaturas, tendo a requerida 'dado um calote' na praça de milhões de reais".
A polícia já solicitou à Justiça a prisão preventiva do dono da W9! e trabalha com a tese de crime de estelionato. "Contratos recentes foram firmados. Se ele estava recolhendo esse dinheiro, porque não está aplicando isso nos contratos que tem? Isso diferencia de uma simples quebra", destaca o delegado Roberto Wanderley, responsável pelas investigações.

Pesquisar este blog