Google+ Followers

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Grande Recife: Duas técnicas de enfermagem são agredidas em UPAs

No plantão da madrugada desta segunda-feira (5) duas técnicas de enfermagem foram vítimas de violência em Unidades de Pronto Atendimento (UPA) do Grande Recife. As vítimas trabalhavam quando foram agredidas. As ocorrências aconteceram nas UPAs da Cidade Tabajara, em Olinda; e na comunidade de Lagoa Encantada, Zona Sul da capital. Os suspeitos foram contidos apenas com a chegada de viaturas da Polícia Militar. 
Reprodução/TV Jornal
A técnica de enfermagem, que preferiu não se identificar, quebrou o braço após receber um murro. Testemunhas informaram que o rapaz ameaçou jogar uma cadeira de rodas. Na delegacia, o suspeito disse que ficou revoltado porque demorou para ser atendido. 
Na unidade da Cidade Tabajara, em Olinda, um catador de materiais recicláveis foi detido após dar uma tapa no rosto de uma técnica de enfermagem. Gilson Gonçalves da silva, 45 anos, ficou revoltado ao receber a notícia da morte do pai, que estava internado, e também tentou agredir outras pessoas. Segundo as vítimas, as agressões contra funcionários em Unidades de Pronto Atendimento são comuns.


Pesquisar este blog