Google+ Followers

domingo, 24 de maio de 2015

PPS vai ao STF contra emenda do shopping da Câmara no valor de R$ 1 bilhão



O Parlashopping, como vem sendo chamado, foi uma promessa de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) em sua campanha para a presidência da Câmara. A Câmara deu aval à construção ao aprovar uma emenda à Medida Provisória 668, permitindo que o Legislativo firme parcerias público-privadas para fazer obras. A matéria ainda precisa passar pelo Senado e ser sancionada pela presidente Dilma Rousseff.

Para o líder do PPS, Rubens Bueno, a Câmara não poderia ter incluído o artigo sem relação alguma com a medida provisória, apresentada pelo Palácio do Planalto para elevar tributos de importação. A prática de incluir contrabandos em MPs é comum no Congresso.

“A sede do Parlamento não pode ser invadida pelo mercado para tomar esse espaço para obter lucro e fazer com que os parlamentares sejam inquilinos”, defendeu.

Por meio de uma manobra, o presidente da Câmara dos Deputados conseguiu colocar em votação e aprovar um projeto que prevê a construção de um centro comercial no Congresso – principal bandeira de sua gestão; “Uma megalomania típica de quem se acha dono do Parlamento brasileiro”, criticou deputado do PSOL


Fonte:http://noticias.terra.com.br/brasil/politica/pps-vai-ao-stf-contra-emenda-do-shopping-da-camara,7f942c1f11fe166e24c9a8fb34a759efxw3iRCRD.html

Pesquisar este blog