Google+ Followers

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

PE: Médicos pedem demissão na UPA da Caxangá



Quase todo o quadro de médicos da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá pediu demissão depois de receber a notícia que viria mais uma redução no número de profissionais da unidade, além da queda no volume de compras de itens utilizados no atendimento. São 21 médicos que, agora, cumprem aviso prévio. A unidade possui 25 profissionais no total.

O movimento foi reforçado com a informação de que os novos desligamentos iriam sobrecarregar os médicos que permanecessem, associado à limitação do atendimento devido à baixa nos utensílios de atendimento básico, intermediário e de urgência. O atendimento seria limitado a casos de emergência, considerados graves.



Pesquisar este blog