Google+ Followers

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

CAMARAGIBE: MATERNIDADE REABRE E O "HOSPITAL" FECHA



Após a prefeitura fechar a Maternidade sem comunicar ao Conselho de Saúde, em janeiro de 2015, com alegação posterior de reforma por três meses, houve vários protestos na cidade.

Mesmo assinando um TAC (Termo de Ajuste de Conduta) no MPPE, e se comprometendo em reabrir a Maternidade em 08 meses, o acordo não foi cumprido.

Houve audiência pública no Ministério Público com a participação dos servidores da Saúde, representantes do Estado e entidades locais, na qual novamente foi informado que a Maternidade reabriria no dia 15 de janeiro e, outra vez, a data foi alterada - desta vez para 1º de fevereiro.

Apesar de rumores de que para reabrir a Maternidade seria fechado o Cemec Vera Cruz ou Cemec Tabatinga, com intenção de completar o quadro de pessoal necessário para o devido funcionamento dos seus plantões, isso não ocorreu. Mesmo assim, não se sabe o que é pior.
20160128160328
Foto: (blog Camaragibe da vez
20160128160450
Foto: (blog Camaragibe da vez)












A partir da terça-feira (26) foram recolhidos os materiais da Maternidade como: colchão, biombo, bacia, dentre outros emprestados para garantir o funcionamento do Hospital Aristeu Chaves, habilitado em 2015. Por isso os 28 leitos leitos habilitados no ano passado foram fechados temporariamente e o pessoal de lá, que dava suporte ao internamento, tiveram que voltar. Segundo informações, o Cemec Centro que passara a ser Cemec e Hospital, volta agora a ser apenas emergência, supostamente com habilitação de hospital. Dizem também que essa medida é por dois meses apenas, mas como em Camaragibe dois meses é sempre um ano, ou mais...
20160128160320
20160128160326
Foto: (blog Camaragibe da vez)

No plantão deste sábado (30), no Cemec Centro, com um total de 85 atendimentos na pediatria e de 192 atendimentos de adultos, em 12 horas, apesar do desfalque de profissionais de enfermagem, a emergência ficou com 04 pacientes internados, em observação.

Usuários e funcionários questionam o porquê habilitaram o prédio do hospital sem equipamentos. A climatização é precária. Há mais de 20 dias a maioria dos aparelhos de ar condicionado não funciona. Não tem Cardiologia, Neuro, Ortopedia, RX... _"Nenhum euro, nenhum ia, e até bacia para realizar um banho não tem!", disse indignada, a enfermeira chefe.

Nesta segunda-feira (1º) a Maternidade reabriu, porém não haverá atendimento todos os dias por falta de médicos. E, novamente, o Conselho Municipal de Saúde não foi informado oficialmente.


Laudicéa

Pesquisar este blog