Google+ Followers

domingo, 7 de fevereiro de 2016

PESQUISADORES AMERICANOS PEDEM AO COI ADIAMENTO OU CANCELAMENTO DAS OLIMPÍADAS NO BRASIL


O Comitê Rio-2016, organizador dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, criticou duramente nessa sexta as especulações sobre a possibilidade de suspensão da Olimpíada por causa do surto de doenças relacionadas ao zyka vírus. "O comitê se recusa a discutir uma hipótese construída em cima de uma fantasia. 

Após a publicação, na quarta-feira, pela revista norte-americana Forbes que abordou o assunto assinado por dois pesquisadores americanos, afirmando que realizar a Olimpíada este ano seria "irresponsável", chegando a Pedir ao Comitê Olímpico Internacional (COI) a retirada da  disputa do Rio, o adiamento da competição ou até mesmo, a possibilidade de  cancelar o evento.

O texto é assinado por Arthur Caplan, chefe da divisão de ética médica no Centro Médico de Langone, na Universidade de Nova York e por Lee Igel, professor da mesma instituição e especialista em comportamento no trabalho em negócios do esporte. Na publicação, a dupla bate forte na manutenção do evento para este ano, no Rio.

"É como se uma família dissesse 'vamos a Chernobyl curtir os Jogos'", escrevem.

O texto desagradou o Ministério do Esporte, que lamentou a publicação. "Essa possibilidade (adiamento) não está em discussão. O Governo brasileiro está integralmente empenhado em garantir que os Jogos Rio-2016 transcorram com segurança e tranquilidade", afirma a nota.

Fonte:DP

Pesquisar este blog