Google+ Followers

terça-feira, 7 de junho de 2016

CAMARAGIBE: FORMA PSDB DE GOVERNAR

Desde o início de 2013, quando o Governo (PSDB) sentou na cadeira do poder em Camaragibe, os Servidores Municipais têm amargado o fel da regressão. Do abuso de poder. Voltamos ao Coronelismo. Não estranhem se chegarmos ao Regime Feudal.

No mesmo mês que assumiu, já foi descumprindo as poucas Leis que amparavam os trabalhadores, alegando ilegalidade das mesmas, como:
  • O direito as passagens intermunicipais percebidas há quase 20 anos;
  • A Gratificação das Merendeiras percebidas há quase 20 anos
  • O difícil acesso dos profissionais da Educação;
  • A Gratificação para os profissionais que acumulam em 100% como reza o Artigo 18,  da Lei 081/95;
  • A gratificação de Plantão;
  • A Gratificação SUS, amparada no Artigo 19, da Lei 081/95
  • O adicional noturno, entre outros.
A Gestão é tão "legal" que não respeita nem sua própria Lei. Por exemplo, a lei 223/14,   que inclui o Pessoal de Laboratório no direito à gratificação criada na Lei 418/09 e não é executada.

Quem "reza a cartilha" entra sem bater, se reúne sem marcar, fica à disposição de gabinetes sem Portaria...blá...blá

Agora, reclamou: É acocho! Transferência, é só um pequeno exemplo.

Mas, por último, veja o Ofício enviado à câmara contra o Sindicato dos Servidores Municipais. O único que faz "oposição" na  cidade, ao priorizar o trabalhador  indo às ruas questionar.




















































Boa parte dos Sindicatos do Estado não tem Carta Sindical, e nem por isso deixam de ser atendidos. 

Para representar o trabalhador, basta ter CNPJ. A prerrogativa da Carta no MTE é apenas para receber o Imposto Sindical, que a prefeitura teima em descontar do trabalhador e especificar que é à favor do SISEMCg, faltando com a verdade.

Só sei que é assim!

Pesquisar este blog