Google+ Followers

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

PE: GOVERNO FECHA O CERCO AOS POLICIAIS MILITARES



Nesta quarta-feira (14) o Governador de Pernambuco - Paulo Câmara - anunciou duas formas de pressionar os Policiais Militares a voltarem às ruas.
  • Cancelar e interromper as férias de todos
  • Punir, até com prisão, os PMs que se negarem a fazer horas/extras.
A determinação é do Comando Geral, após reunir-se com a SDS. O Governo esquece que em momento algum o Código Disciplinar autoriza os mais graduados a desunir o grupo.


  O Código Disciplinar dos Militares do Estado de Pernambuco, diz:

Art. 2º O companheirismo e o respeito às leis são os principais valores a serem cultivados na formação e no convívio da família militar estadual, incumbindo aos mais graduados incentivar e manter a harmonia e a amizade entre os menos graduados que lhes sejam subordinados, respeitada a hierarquia.

De que forma o Governo ou os mais graduados podem impor respeito às Leis se são os primeiros a desrespeitá-la. 

Trabalhar em excesso adoece, envelhece e pode matar. A fadiga física e mental conspira a favor dos riscos no ambiente de trabalho e se estende a outrem.

No art. 5º, inciso II, a CF declara: “ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei”. Porém isso não se aplica ao "abuso de autoridade"! Todos têm direito a sua folga. Afinal acho que  a escravidão foi extinta. Ou não?


Será  o Governo prenderá toda a tropa? Desta forma não haverá diferença tendo em vista que não ficará ninguém nas ruas!

Pesquisar este blog