Google+ Followers

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

CAMARAGIBE: CHEGARAM PSIQUIATRAS PARA OS CAPS E CEMECs

A cidade de Camaragibe já foi referência na Atenção Básica e Saúde Mental. Foram 30 anos de construção da cidade para em  pouco tempo se dissipar. Das 43 Unidades de Saúde, 36 ficaram sem médicos; 24 sem enfermeiros e a maioria sem técnicos em enfermagem, odontólogos e auxiliares de serviços gerais. Das 03 emergências, apenas 01 ficou funcionando e, mesmo assim, deficiente. A única maternidade local ficou praticamente fechada. A Saúde Mental entrou em colapso!

Nos últimos 04 anos, com a Gestão (PSDB), a Saúde de Camaragibe sofreu uma queda vertiginosa em seu conceito devido à falta de médicos para garantir o atendimento e acompanhamento dos pacientes, além da medicação específica o que, até hoje, está em falta, trazendo prejuízo e consequências para os pacientes com transtornos. 

Mas, segundo a Coordenadora de Saúde Mental de Camaragibe, Sra. Fábia de Lima, o CAPS Infantil já tem Psiquiatra e até Clínico para visitar as residências. "No CAPS AD, a equipe está quase completa. O Centro de Especialidades já tem Psiquiatra e o Cemec Vera Cruz. Já o Cemec Tabatinga terá esse profissional logo após o Carnaval" disse.

Com isso, os pacientes deverão ter novamente a garantia de tratamento e acompanhamento na Saúde Mental, além da medicação.


Pesquisar este blog