Google+ Followers

quarta-feira, 15 de março de 2017

SISEMCg PARTICIPA DA MOBILIZAÇÃO GERAL CONTRA AS REFORMAS DO GOVERNO TEMER

























Centrais Sindicais, movimentos sociais e categorias trabalhistas realizaram greve geral na manhã desta quarta-feira (15), em 25 estados e no Distrito Federal  contra as reformas do Governo Michel Temer que tramitam no congresso.




















Além disso, "a mudança na legislação pretende transformar o atual contrato de trabalho em ‘contrato de bico’, inseguro, intermitente, precário e mal remunerado”, publicou a  CUT no site da instituição.






Durante a mobilização, professores da rede Estadual de Pernambuco e de cinco municípios decretaram greve por tempo indeterminado. Essa decisão já havia sido tomada desde o dia (22/02). Segundo o Sintepe, a greve das categorias tem começo imediato. "Esse ato mostra a preocupação da categoria com essa reforma. Mais uma vez o trabalhador vai ter que pagar a conta do governo", acredita o presidente do Sintepe, Fernando Melo.

A assembleia aconteceu na Praça Oswaldo Cruz, no bairro da Boa Vista. Cerca de 40 mil pessoas participaram do ato. A manifestação foi encerrada às 13 horas, na Avenida Dantas Barreto.

Os professores voltam a se reunir no próximo dia (17), na Praça do Derby, para novamente protestar junto com outras categorias, contra a reforma da previdência.



O Sindicato dos Servidores Municipais de Camaragibe esteve presente com a base para externar sua indignação às propostas do Governo.


O Dia Nacional de Paralisação e Mobilização  envolveu as categorias dos setores de transportes, educação, saúde, estudantes, bancários, trabalhadores dos Correios, entre outros.





"Parabéns a todos que agregaram força a essa luta, numa demonstração de união e coragem. Juntos somos extremamente fortes", disse Magna Bias, coordenadora do SISEMCg.


Pesquisar este blog