Google+ Followers

sábado, 11 de março de 2017

MPPE FAZ CERCO AO NEPOTISMO NOS MUNICÍPIOS


Para o promotor, população condena benesses a parentes de políticos.

Promotor Maviael Souza (JC imagem)
Novos prefeitos  pernambucanos foram advertidos preventivamente pelo Ministério Público Estadual nos últimos 45 dias para que evitem a prática de nepotismo ao escolher ocupantes para cargos municipais. 

Onze anos após uma campanha contra o nepotismo lançada pelo então Procurador Geral de Justiça, Francisco Sales, promotores confirmam a necessidade de se manterem vigilantes para evitar os abusos com uso de recursos públicos.


"É uma luta muito grande combater o nepotismo e fazer  valer os princípios constitucionais de eficiência e legalidade . A cultura brasileira é de favorecimento. Por isso agente vive nesse trabalho sem fim", avalia Maviael Souza, coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Defesa do Patrimônio Público (MPPE).

A recomendação é que não haja parentes de prefeito em cargo comissionado em até terceiro grau (tio, sobrinho,bisneto), parente afim e consanguíneo.

Ele lembra que mesmo sendo livre a escolha para os  cargos políticos, fica proibido que parentes dos Gestores estejam na direção de hospitais, escolas e empresas. "A população não aceita mais esse tipo de coisa", diz.


Fonte:http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/politica/pernambuco/noticia/2017/02/19/mppe-faz-cerco-ao-nepotismo-nos-servicos-municipais-271351.php

Pesquisar este blog