Google+ Followers

sexta-feira, 12 de maio de 2017

CAMRAGIBE: CONSELHO DE SAÚDE EM BUSCA DE SUA AUTONOMIA


Na segunda-feira (08), conselheiros de saúde de Camaragibe se reuniram na sede do Órgão de Controle Social da cidade para, novamente, tratar da situação de estrutura funcional e de recursos humanos que, de acordo com a Lei, é garantida pelo Ministério da Saúde nos três níveis de governo.

O  processo de autonomia foi iniciado em 2015, com a inscrição do CNPJ e, posteriormente, com a abertura de conta e Cartão digital. Após esse passo, o coordenador do Conselho, Professor José Arnaldo  da (FOP), foi designado como ordenador de despesas através da Portaria 1888/2015, porém o CMS sempre esteve em dificuldades para funcionamento.


O Conselho nunca teve sequer assessoria jurídica, embora isso sempre conste nos dispositivos legais como:  LOA, PPA e Plano Municipal de Saúde. Agora, uma ex- servidora e conselheira, Izabel Cristina, resolveu assessorar o CMS voluntariamente (temporário), sob o crivo do Pleno deliberado em reunião ordinária, e trouxe o colega Anderson para ajudar o Órgão a se reerguer. 

Na tarde desta quarta-feira (10), o Conselho foi recebido pela Secretaria de Saúde, porém nada foi definido. Foi marcada nova reunião para um possível entendimento.

Na manhã desta sexta-feira (12), o CMS voltou a se reunir na SESAU com Advogados da prefeitura, Dra Lúcia e o  Dr. Francisco. Porém, apesar das cansativas discussões, não houve definição sobre melhoria da estrutura organizacional do CMS-Cg.

Os conselheiros aguardam um desfecho favorável para o Órgão de Controle Social como orienta a lei.

Pesquisar este blog