Google+ Followers

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Jovem escocesa armazena a própria voz para quando não conseguir mais falar


Lucy Lintott é a escocesa mais jovem já diagnosticada com esclerose lateral amiotrófica (ELA), a mesma doença degenerativa do físico britânico Stephen Hawking.

Aos 22 anos, ela já tem parte da fala comprometida, processo que tende a se intensificar com o passar do tempo. "Ainda bem que existe este lugar chamado 'Voicebank' ('banco de voz'), que pode usar minha própria voz para fazer uma sintética", disse à BBC.

Ela é participante de um projeto de pesquisa pioneiro da Universidade de Edimburgo batizado de Speak:Unique, que tem como objetivo criar vozes sintéticas personalizadas no futuro.

Lucy não tinha percebido mudanças na sua maneira de falar, mas seus pais já haviam notado alguma diferença.

"Vão misturar a voz da minha irmã com a minha, porque dizem que eu balbucio um pouco", afirmou Lintott. "Quanto mais cansada estou, pior eu falo".


Mais G1

Pesquisar este blog