Google+ Followers

terça-feira, 12 de setembro de 2017

Doação na conta de água pode ajudar organizações sociais de Pernambuco



A partir de R$ 1,00 é possível apoiar entidades como Hospital de Câncer, Movimento Pró-Criança e Fundação Terra



Foto (|Imprensa Compesa)
Os 2 milhões de clientes da Compesa podem contribuir com organizações sociais que estão trabalhando para melhorar a qualidade de vida dos pernambucanos. Para colaborar, é preciso aderir a Campanha Conta Comigo lançada hoje (12) e que viabiliza a doação mensal por meio da conta de água nos valores de R$ 1,00, R$ 2,50, R$ 5,00 ou R$ 10,00. Os recursos captados são repassados integralmente para as três entidades amparadas pela campanha: Hospital de Câncer, Movimento Pró-Criança e a Fundação Terra. O cliente pode, inclusive, destinar sua doação para uma ou até as três organizações. A participação é efetivada por um termo de adesão que deve ser preenchido e assinado pelo cliente titular da conta de água autorizando a companhia a cobrar a doação. O cadastro pode ser feito no endereço http://servicos.compesa.com.br/campanha-conta-comigo/ ou nas lojas de atendimento da Compesa.


Foto (|Imprensa Compesa)

A campanha fortalece a Compesa como uma empresa cidadã e tem a iniciativa de normatizar, organizar e ampliar a parceria que a companhia já vem mantendo com essas instituições, nos últimos anos, captando as doações dos clientes na fatura de água. O Hospital de Câncer foi o primeiro a iniciar esse trabalho com a Compesa no ano de 2006. Depois, em 2009, o Movimento Pró-Criança passou a receber as doações pela conta de água e, em 2016, a Fundação Terra, sediada em Arcoverde, também firmou um convênio. Só de 2013 até julho de 2017, foram repassados para as três instituições juntas cerca de R$ 9 milhões doados pelos clientes nas faturas. Hoje, cerca de 98% dos doadores ativos são clientes residenciais. Outra boa notícia do Conta Comigo é que agora outras organizações sociais do Estado podem ser beneficiadas com a captação de recursos via conta de água, caso atenda os critérios de participação estabelecidos pela campanha, como ser reconhecida como uma entidade de utilidade pública municipal ou estadual e ser portadora da Certificação de Entidades Beneficentes de Assistência Social.


Foto (|Imprensa Compesa)


O Conta Comigo também prevê contrapartidas das entidades, que irão se envolver com a Compesa em ações educativas, socioambientais e de prevenção e cuidado com a saúde promovidas nas comunidades e também com os colaboradores da companhia. As organizações também deverão entregar à Compesa relatórios de prestação de contas, contendo informações sobre o uso das doações, para publicação em veículos de grande circulação. “Essa campanha possibilita que todos possam contribuir, nem que seja com um pouquinho, para o trabalho dessas instituições que estão melhorando a sociedade que vivemos, e que estão precisando de apoio. Estamos muito felizes, a companhia está fazendo a sua parte em benefício das pessoas e do meio ambiente”, afirmou o presidente da Compesa, Roberto Tavares, durante o lançamento da campanha, no Centro Administrativo Eduardo Campos, em Santo Amaro, que contou com a participação da diretoria da Compesa e de representantes das três organizações sociais.



Foto (|Imprensa Compesa)


“Além de realizar o abastecimento e fazer a coleta e tratamento do esgoto, estamos realizando essa campanha para que os clientes visualizem na conta de água também um bem social para Pernambuco”, pontua o diretor de Articulação e Meio Ambiente da Compesa, Aldo Santos. O Hospital de Câncer conta com as doações para ajudar no atendimento a 40% dos casos da doença no Estado. Por dia, o hospital realiza 1,2 mil procedimentos e serve 2 mil refeições para os pacientes e acompanhantes. “Uma das ações mais importantes é o trabalho de prevenção à doença, que é feito pelos nossos voluntários nas áreas rurais e dentro das empresas. Com o diagnóstico precoce, aumenta muito as chances de cura do câncer e diminui o sofrimento para o paciente e para as famílias”, informou Cláudia Barbosa, superintendente administrativa do Hospital de Câncer.

Foto (|Imprensa Compesa)

Crianças – O lançamento da campanha contou com as apresentações do Maracatu Sinhá da Terra, mantido pela Fundação Terra e formado por crianças e jovens, com idade entre seis e 22 anos, da comunidade “Rua do Lixo” de Arcoverde, e também do Coral do Movimento Pró Criança. Esta última entidade atende 2,5 mil crianças em situação de vulnerabilidade social em Pernambuco, todos os meses. “O Movimento é mantido basicamente pelas doações captadas nas contas de água e de energia. Só na Compesa temos mais de 120 mil doadores. Se chegarmos a 400 mil, podemos virar um case mundial nesse sentido, mas o que a Compesa está fazendo por nós já é uma ajuda sem tamanho”, conta Sebastião Campelo, presidente do Pró-Criança.


Foto (|Imprensa Compesa)


A Fundação Terra atua em 35 municípios do Sertão do Estado, e também em Maracanaú, no Ceará, com ações sociais, de educação e saúde, como o atendimento no Centro de Reabilitação Mens Sana, credenciado pelo Sistema Único de Saúde, que oferece tratamento para pacientes com dificuldades intelectuais, motoras, visuais e auditivas, e também que apresentam doenças degenerativas ou congênitas, como a microcefalia. O Mens Sana, aliás, é reconhecido como um centro de referência para tratamento dos bebês nascidos com microcefalia em decorrência do zika vírus. “Nós comemoramos esse convênio porque ele amplia os meios de doação para Fundação Terra”, disse o presidente da entidade, Padre Airton Freire, lembrando que a entidade completou 33 anos na última sexta-feira (8).



Pesquisar este blog